sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

A vida perfeita...sem ser preciso o euromilhões!

Para vocês o que seria a vida perfeita?
Eu consigo imaginar a minha de uma forma tão intensa que quase lhe consigo tocar...só assim com as pontinhas dos dedos...
Uma casa simples com janelas altas, divisórias cheias de luz e decorações brancas e leves...
A relva logo à saída da porta, uma mesa debaixo da árvore com um livro em cima...um pequeno baloiço em frente onde ela brinca e lança gargalhadas ao vento, o sol aquece-me as costas e a brisa despenteia-me o cabelo...
Mesmo na rua consigo sentir o cheiro do bolo para o lanche acabadinho de fazer...os gatos fazem uma sesta aos meus pés...e o cão dá pequenas dentadas no vestido dela que baloiça com a brincadeira...
Ele chega do trabalho ( sim alguém tem de trabalhar ! ) e tem tempo para nós...brinca com ela e devora o bolo!
Dedico algumas horas ao trabalho que adoro fazer ( fotografia ) mas tenho tempo para a filha, para o marido , para a casa e para os gatos...consigo ter tempo de lazer e de prazer...
Tenho uma pequena horta ( sim que não gosto de cavar muito!) não sei se a horta vai durar muito tempo...espero que o terreno seja fértil...desastrada como sou...nem os catos resistem...
Na barriga trago outro rebento...tão amado como o primeiro...e só assim...simples...eu era tão feliz...e tudo isto sem me sair o euromilhões...





4 comentários:

Mimi In Love disse...

eheheh a minha felicidade é algo do genero.. adorava ter uma casa pequena e aconchegante ... mas com um terreno enorme para ter varios tipos d animais! o ideal seria uma quinta! XD ehehehhe o meu trabalho de paixao (ainda na descoberta), o meu amor... amigos... PAra o resto ainda é cedo decidir! =) ***

Chris ♥ disse...

Eu só mudava a paixão... de resto, essa vida poedria ser a minha...

Turista disse...

Querida Olga, lindo este teu texto!
E parabéns pelo prémio que te coube no sorteio da Árvore de Natal da Blogosfera!! :)

Anita disse...

estou contigo nessa felicidade.
era uma vida perfeita ;)
bj